06/05/2021 07:09

Castro comenta a aproximação com Bolsonaro: "O Rio precisa umbilicalmente do governo federal".

imagem

O governador Cláudio Castro, em entrevista ao GLOBO, refuta o rótulo de negacionista atribuído a ele por parte da imprensa e, pragmático, justifica a proximidade política com o presidente Jair Bolsonaro, afirmando que o “Rio precisa umbilicalmente do governo federal”. A expressão mostra que o apoio do governador ao presidente resulta mais da necessidade de viabilizar seu governo, dada a gravidade da crise financeira do Rio, do que por concordância com posições extremadas e radicais expressas comumente pela base bolsonarista.

“Dialogo com todo mundo. Sou alinhado com os prefeitos, sem olhar para a ideologia deles. Como vou ter essa postura com eles e com o governo federal não? O Rio precisa umbilicalmente do governo federal para sobreviver. Seria irresponsável da minha parte não estar alinhado com os prefeitos e o governo. Ajo com convicção, não por alinhamento. Ficam tentando me rotular na contramão das minhas ações”, afirmou o governador.

leia a íntegra da entrevista

'