26/07/2021 09:10

Quaquá se reúne com Arthur Lira e defende apoio do PT ao candidato do Centrão

imagem

Vice-presidente nacional do PT, o ex-prefeito Washington Quaquá defendeu nesta terça-feira, 15/12, o apoio do partido à candidatura do deputado Arthur Lira à presidência da Câmara dos Deputados. Quaquá não vê contradição em apoiar um nome lançado pelo Centrão com a chancela de Jair Bolsonaro.

— O Lira é o candidato do Centrão. O Centrão tem um acordo com o Bolsonaro. Pode ter um acordo com a gente também — diz Quaquá

Arthur Lira se reuniu com Quaquá no Rio há dois meses. Após o encontro, o ex-prefeito de Maricá resolveu abrir o debate interno na legenda sobre a possibilidade de apoio ao deputado do PP.

- O Centrão do Lira é igual ao Centrão de Rodrigo Maia. O Centrão de Lira fez um acordo com Bolsonaro. Isto não quer dizer que ele seja Bolsonaro. Acho, francamente, que Lira tem mais autonomia para lutar pelas pautas democráticas.

Na opinião de Quaquá, Rodrigo Maia está preso a compromissos com a Globo e com a Lava Jato. Na sua opinião, o PT deve apoiar o candidato que “abrir mais espaço de participação e tiver compromisso com a pauta democrática”.

— Não tenho nenhum problema com o Lira, pelo contrário. Para falar a verdade, acho que ele pode ter mais condições de avançar.

Na visão do dirigente petista, o país vive hoje uma “democracia capenga”. Indagado se o acordo com Lira envolveria o combate ao “lavajatismo” e a defesa de mudanças na Lei da Ficha Limpa, o vice-presidente do PT respondeu:

— O fato de o maior partido brasileiro não ter conseguido lançar o seu candidato a presidente da República macula a democracia. (...) O acordo no Parlamento tem que passar pela reestruturação da democracia.

'