25/03/2019 09:12

A decisão da Mesa Diretora da Alerj de empossar os deputados presos mas ainda não julgados obedece rigorosamente aos preceitos do estado democrático de direito. As críticas à medida são, sem exceção, fundadas em teses abstratas, demagógicas e perigosas na medida em que tenta sobrepor conceitos morais discutíveis aos pressupostos constitucionais da presunção da inocência. A posse dos eleitos se deu em respeito ao sufrágio de 205 mil cidadãos que os escolheram representantes no parlamento fluminense. E em observância estrita ao próprio poder Judiciário, a quem cabe julgar, absolver ou condenar.

Opinião - Ricardo Bruno

Ricarod Bruno

Temer foi um desastre para o Brasil, mas sua prisão é uma aberração

O governo do ex-presidente Michel Temer foi um desastre para o Brasil. Fez crescer o desemprego, implantou um criminoso limite para o gasto público, congelando por 20 anos os investimentos em saúde e educação. Para chegar ao poder, não teve pudores, participando da conspirata que resultou no impeachment de Dilma. Dito isto, se faz necessário também dizer: a prisão de Michel Temer é ilegal.

Ricardo Bruno entrevista
 

Justiça determina afastamento do prefeito de Itaperuna

A Justiça determinou o afastamento do prefeito de Itaperuna, Dr. Vinícius (PR). O juiz Rodrigo Rocha de Jesus deferiu o pedido feito pelo Ministério Público do Rio (MPRJ) na quarta (20). A assessoria de imprensa da Prefeitura informou que o prefeito ainda não foi notificado sobre a decisão. O vice-prefeito deve assumir na próxima quarta-feira.

TRF decide manter preso ex-governador Pezão

A Primeira Turma do Tribunal Regional Federal da Segunda Região (TRF-2) decidiu manter preso o ex-governador do Rio Luiz Fernando Pezão (MDB). Os desembargadores também determinaram que siga preso Marcelo Santos Amorim, o Marcelinho, ex-subsecretário de Comunicação Social e sobrinho de Pezão. Ele é apontado como operador do esquema do ex-governador.

MP denuncia Regis Fichtner por corrupção

O Ministério Público federal denunciou ontem Regis Fichtner, que foi secretário estadual da Casa Civil nos dois mandatos de Sérgio Cabral, e o coronel da Polícia Militar Fernando França. Eles são acusados pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Fichtner e França foram presos preventivamente no mês passado, na operação Consigliere, mais um desdobramento da Lava Jato no Rio.

Prefeita de Iguaba Grande é afastada do cargo

Ana Grasiella Moreira Figueiredo Magalhães foi afastada da Prefeitura de Iguaba Grande, na Região dos Lagos do Rio, na manhã desta terça-feira (18) por determinação da Justiça. Segundo a assessoria de comunicação do município, o vice-Prefeito, Leandro Coutinho, assume o cargo. O marido dela foi preso por posse ilegal de arma na operação que cumpriu mandados de busca e apreensão na casa do casal e em outros endereços.

Com decisão do STF, ação contra Lindbergh vai pra Justiça Eleitoral

O ex-senador Lindbergh Farias (PT-RJ) será o primeiro beneficiado com a decisão do Supremo Tribunal Federal ( STF ) de transferir para a Justiça Eleitoral investigações da Lava-Jato sobre crime ligado à prática de caixa dois . Nesta terça-feira, a Segunda Turma da Corte, formada por cinco dos onze ministros, decidiu que o inquérito contra o ex-parlamentar não vai mais tramitar na Justiça Federal do Rio, mas na Justiça Eleitoral.

Delarolli, Rosângela, Dejorge e Walney são citados em delação de empresário de São Gonçalo

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), homologou no ano passado um acordo de delação premiada do empresário Paulo Roberto de Souza Cruz, que atua na área de iluminação pública no Rio de Janeiro. Em documento de seis páginas sob sigilo, Barroso trata do possível envolvimento de quatro políticos do Rio de Janeiro em crimes: a deputada federal Rosângela Gomes PRB), o ex-deputado federal Marcelo Delarolli (PR), atual assessor do ministro Onix Lorenzoni; o também ex- deputado federal Dejorge Patrício (PRB), e o ex-deputado estadual Walney Rocha (Patriota). A informação é de Thiago Prado, em sua coluna no site da revista Época.

TRF decide amanhã se Pezão pode responder à ação em liberdade

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região decide nesta quarta (20) se mantém a prisão preventiva do ex-governador do Rio Luiz Fernando Pezão, preso desde novembro de 2018.Pezão e os irmãos César Augusto e Luís Fernando Craveiro de Amorim, sócios da High End Home Theater, e Marcelo Santos Amorim, apontado como operador financeiro do ex-governador, foram alvos da Operação Boca de Lobo.

Câmara de Itaguaí abre comissão processante para cassar Charlinho

A Câmara Municipal de Itaguaí aceitou, semana passada, denúncia contra o prefeito Charlinho por irregularidades no fundo de previdência municipal. Por 10 a 7, os vereadores abriram também Comissão Processante para apurar o caso, cujo resultado poderá levar à cassação do mandato do prefeito. Após a votação, o presidente da Câmara,, Rubem Vieira, sorteou os três vereadores que conduzirão o trabalhos da comissão: Willan Cezar (presidente), Vinícius Alves (relator) e Noel Pedrosa (membro).

Últimas

  • Washington e Witzel inauguram conjunto de obras em Duque de Caxias

    O prefeito Washington Reis e o governador Wilson Witzel inauguram amanhã o mais importante conjunto de obras de Duque de Caxias dos últimos anos. O evento sela a primeira importante parceria entre o governo do estado e prefeituras da Baixada Fluminense

  • Washington faz homenagem póstuma a Eurico Miranda

    A Prefeitura de Duque de Caxias vai homenagear o ex-presidente do Club de Regatas Vasco da Gama, Eurico Ângelo de Oliveira Miranda, nomeando de Centro de Audiologia Eurico Miranda um dos mais importantes equipamentos públicos de saúde do município

  • Crivella inaugura tomógrafo no Salgado Filho

    O prefeito Marcelo Crivella (PRB) inaugurou nesta segunda-feira (18), o primeiro dos dez tomógrafos comprados pela Prefeitura do Rio de Janeiro. Foi no Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, Zona Norte da cidade.